Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2016

Apego à supremacia do status quo está destruindo o Brasil

A sociedade brasileira está indo para um caminho muito perigoso. Apegada a paradigmas de alto status social, as pessoas são lesadas e enganadas diariamente, movidas por ilusões que a valorização cega de pessoas com algum atributo superior lhes trazem.
Desde que Dilma Rousseff foi expulsa do poder, as pessoas revelaram tais caprichos. Passaram a endeusar pessoas com algum atributo "respeitável", sem saber dos desastres que cometem, pois se tratam apenas de atributos materiais, obtidos nem sempre de maneira honesta e que servem apenas de escudo para os privilegiados cometerem seus abusos.
Do juiz Sérgio Moro, endeusado pelo atributo do status jurídico, a Luciano Huck, que domina a visibilidade plena na mídia, outros "deuses" da Terra são criados, por supostas virtudes técnicas ou qualidades equiparadas. Como Jaime Lerner e Henrique Meirelles, só para citar dois festejados tecnocratas, que muitos veem ingenuamente como "símbolos máximos de competência e funciona…

Rondonópolis abre precedente para questionar o "movimento espírita"?

O caso da pediatra de Rondonópolis, interior do Mato Grosso, que se recusou a atender uma menina de sete anos que havia sofrido estupro, pode abrir um precedente para aprofundar os questionamentos sobre as contradições do "movimento espírita" no Brasil.
O episódio se deu no começo deste mês. Uma mãe levou sua filha para a consulta de uma pediatra e revelou que a menina, de sete anos, estava abalada e assustada porque havia sido vítima de estupro de seu próprio tio. Diante disso, a pediatra se recusou a atendê-la porque não queria lidar com pessoas com "problemas espirituais".
Alegando que "ninguém é vítima" de coisa alguma, a pediatra acusou a menina de ser culpada pelo estupro que sofreu, porque tinha uma "energia sexual" que puxou o tio para fazer sexo com ela e que a criança carregava esse "problemão" das "vidas passadas".
A mãe e a menina se sentiram ofendidas e a pediatra foi processada por danos morais, condenada a pag…

"Espiritismo" e as paixões perigosas do deslumbramento religioso

Tão perigosas as paixões do deslumbramento religioso. O pretexto da humildade, da bondade, da luminosidade e da pureza emocional nada são, senão formas de disfarçar verdadeiras armadilhas que a fé cega traz nas pessoas.
O "espiritismo", que deturpa severamente o legado de Allan Kardec, se preocupa em dar todo um aparato de "pureza" e "elevação moral", porque sabe que precisa acobertar seu rol de fraudes gravíssimas e crimes de lesa-doutrina, lançando ideias, conceitos e práticas que deixariam o pedagogo francês envergonhado.
Por isso os "espíritas" brasileiros se preocupam em ter a posse da verdade, criando um balé de palavras bonitas e apelos supostamente bons. Para condenar a diversidade de pensamentos e as individualidades humanas, usam a desculpa de que "somos todos irmãos". Para justificar a desgraça que os infelizes da sorte sofrem, usam a desculpa da "vida eterna". Para deixar impunes as fraudes supostamente mediúnica…

O homem do carro e a criança ingênua

Um homem está no carro observando uma mãe e um filho andando numa rua de uma grande cidade. Uma criança pequena lhe chama a atenção, um menino pequeno, com menos de 10 anos de idade, peralta e que adora correr solto. Em muitos casos, a mãe precisa gritar para o filho voltar para perto dela.
Vendo essa moleza toda, o homem fica apenas de olho. Quando a criança está a uns poucos metros do automóvel, numa calçada com um movimento normal de pessoas indo e vindo numa área urbana, o homem se aproximou do menino.
- Posso lhe falar uma coisa? Senti simpatia por você. - diz o homem, forjando um ar paternal.
- Sim, moço? - pergunta o menino, de um jeito ao mesmo tempo risonho e despreocupado.
- Isso me lembra o caso de um menino que virou um grande homem. Sabe como um menino lindo como você pode se tornar um bom homem?
- Não, tio! Me diz, me diz!
- Era uma vez um lindo menino, carinha de anjo, pode ser louro ou moreno, mas era doce como um anjinho!
- Puxa vida, e como era esse menino?
- Igualz…

O "espiritismo" é uma doutrina de incompetentes

Uma coisa chama a atenção no tal "espiritismo" brasileiro. É a manifestação de pedantismo em vários aspectos, que criam um falso cientificismo e um pseudointelectualismo dentro da doutrina brasileira, que faz com que até igrejeiros possam posar de "sábios" diante de seus seguidores.
As publicações "espíritas" e os seminários mostram, como exemplos, ilustrações de cenários cósmicos ou de figuras da anatomia humana, prometendo uma análise filosófica e científica, com evocações aparentes a conhecimentos físicos, químicos, biológicos e antropológicos, mas sem a profundidade necessária, mas através de conceitos confusos corrompidos por abordagens esotéricas, místicas.
O "espiritismo" virou a religião dos que tiram "nota vermelha". Físicos frustrados se tornam articulistas e palestrantes a fazer descrições superficiais sobre conhecimentos físicos. Romancistas incompetentes viram sucesso imediato através de romances "mediúnicos" qu…

Como os "espíritas" se safam deturpando Allan Kardec

Existe uma prática muito conhecida no Brasil, chamada "jeitinho brasileiro". Trata-se de uma forma de obter vantagem não só de maneira fácil, mas também procurando evitar as consequências naturais de uma atitude considerada inconveniente, ilícita ou prejudicial a alguém.
Com o "jeitinho brasileiro", o picareta ou o algoz de ocasião procura se proteger manipulando as circunstâncias, sobretudo quando tenta obter o respaldo das leis e o apoio popular, mesmo quando nenhum mérito lhe assegure tais benefícios.
Com o "jeitinho brasileiro", se permitem aberrações diversas que se tornam socialmente aceitas. A corrupção feita por políticos conservadores, como os que reconquistaram o poder por intermédio de Michel Temer e Eduardo Cunha, chega a ser aceita pela chamada "boa sociedade", aquela que se arroga em ter "as melhores qualidades morais" e pensar "no progresso humano dos brasileiros". 
O senador Romero Jucá, por exemplo, foi reve…

Ódio anti-petista de Robson Pinheiro pode ter orientação de espíritos de senhores de engenho e adeptos do Fascismo

O "Espiritismo" sempre foi conhecido como a religião da razão e do amor. Mas Robson Pinheiro que mudar isso. Para ele o "Espiritismo" passa a ser a doutrina da barbárie e do ódio. Incapaz de negociar com aqueles que não se afinam com suas convicções políticas elitistas, Pinheiro se une aos neo-pentecostais e derrama a sua gosmenta baba de raiva contra a esquerda, ignorando os verdadeiros responsáveis pela crise, que é mundial e desprezando os bastidores do poder.
Robson é um autêntico analfabeto político, pois dá sinais de que não sabe das complexas relações de poder, num perfeito exemplo de pedantismo político. E de acordo com a lei de afinidade (ignorada pelos "espíritas" brasileiros), atrai espíritos de senhores de engenho e de simpatizantes do Fascismo. Pinheiro psicografa um livro "político" demonstrando escancarado desconhecimento sobre o assunto. Ignora fatos que comprovam que a verdadeira quadrilha é justamente os políticos que ele apoi…

Situação atual do país desmascara definitivamente "Espiritismo" brasileiro

Agora ficou complicado continuar a mentira. O "Espiritismo" brasileiro, farsa apoiada na ideologia de Jean Baptiste Roustaing e que vive bajulando Allan Kardec sem seguir uma só vírgula da ideologia deste, é finalmente desmascarado diante da realidade em que se encontra o país.
O "Espiritismo" brasileiro acaba de se confirmar como mera seita igrejeira de base católica que pegou do Espiritismo original apenas a ideia da pluralidade das existências, ponto que já deixou de ser prioridade na seita, hoje focada no moralismo mais retrógrado, herdado do Catolicismo medieval, que nem os católicos de hoje querem saber.
Metido a intelectual, o "Espiritismo" brasileiro assume uma postura inerte diante do caos que se instala no país. Nenhuma liderança "espírita" manifestou sua preocupação com a eliminação de direitos básicos que ameaça a população brasileira. nenhuma delas se preocupou em fazer reuniões extraordinárias para propor de maneira racional, solu…

Para "espíritas" brasileiros, país só "progride" com retrocesso

Para quem acha que o "Espiritismo" brasileiro é caridoso, progressista, intelectual e outras coisas boas, sem enxergar o que é feito na prática, vai estranhar a declaração. Mas para quem conhece os bastidores da deturpada doutrina que bajula Allan Kardec mas beija os pés (e a boca) do "ignorado" Jean Baptiste Roustaing (pouco lembrado mas muito seguido pelo "espíritas" cristãos), sabe que a declaração é a mais adequeda possível.
A declaração, dada meses atrás por um jornal "espírita" carioca, classificou o protesto das elites com o pato amarelo da FIESP como "politização do povo brasileiro" e "início da regeneração terrestre" num afã desesperado de tentar confirmar a profecia do "deus" Chico Xavier, o "colecionador de qualidades". Confirmar a tola profecia do médium-beato católico é uma maneira de canonizá-lo e manter de pé a versão deturpada da doutrina, gerando muita renda para suas lideranças.
Só que o…

Canonização de Madre Teresa tem objetivos de atrair e manter fiéis para Igreja Católica

Madre Teresa de Calcutá é admirada por muita gente. Muito mais pelo que ela representa do que pelo que ela fez. Religiosos não usam a razão e sim a fé para decidir se alguma coisa é válida ou não. E uma velhinha frágil vestida de freira e membro de uma igreja nunca poderia ser cruel, certo? Errado!
Coerente com a religião cuja obra, a Bíblia, legitima atrocidades em nome da religião e também com a Teologia do Sofrimento, ideia lançada na Idade Média (mas difundida mais tarde por Teresa de Lisieux) que defende que a felicidade só pode ser alcançada pelo sofrimento (ideia que influenciou a meritocracia capitalista), Madre Teresa nunca foi exatamente uma boa pessoa, apenas se encaixando com perfeição aos estereótipos tradicionais atribuídos à "bondade".
Seu tutelados eram hospedados em condições indignas, dormindo em valões fétidos, misturados com portadores de doenças contagiosa, lavados com água não-potável e sendo tratados com remédios fora do prazo por seringas reutilizada…

É assim que o Brasil vai ser "o Coração do Mundo"?

O "Espiritismo" brasileiro já não consegue enganar mais ninguém. Tendo como principal figura Chico Xavier, um beato católico que não entendeu nada sobre vida espiritual, o que os brasileiros tolamente conhecem como "Espiritismo" finalmente foi desmascarado, pois o seu repertório ideológico se comprovou completamente o oposto do mundo real. O "Espiritismo" finalmente se consagra como uma igreja tendo lendas ficcionais como seus dogmas.
Com o golpe iniciado esta semana, em que uma presidente foi deposta sem motivo jurídico para dar lugar a um corrupto proibido de se candidatar a cargos públicos, cujas propostas pretendem arrasar com os brasileiros, sob a desculpa esfarrapada de "salvar o país" (condenar os brasileiros para salvar  Brasil... boa piada!), a lorota de que o mundo estaria evoluindo e que o Brasil seria o condutor dessa evolução foi definitivamente nocauteada. 
Finalmente um beato ingênuo, mesmo 14 anos após a sua morte, se mostrou um…

O preconceito dos empregadores e do Brasil em geral

O Brasil do "espiritismo" catolicizado é tomado de equívocos e preconceitos. As pessoas com maior status são as que mais se desiludem, cometem erros e equívocos e tem muita gente graúda que deveria voltar para a faculdade.
Temos um governo da República cheio de escândalos de corrupção. Temos um Judiciário que manipula as leis em causa própria (e a da chamada plutocracia). Mas se até na rotina familiar pais repreendem filhos pelos erros que os próprios pais poderiam cometer, então vemos que no Brasil as pessoas que estão no topo de qualquer hierarquia são as que mais devem rever seus valores.
É muito difícil as pessoas que atingiram o topo da pirâmide rever seus valores. Se incomodam quando são contrariadas, ou quando outros "de baixo" fazem alguma coisa estranha ou fora dos padrões. Também se incomodam quando são convidados a fazer alguma autocrítica e, quando assumem seus erros, parecem mais sentir orgulho deles do que vergonha, sob a desculpa de que "todo m…

"Espíritas" detestam e reprovam o pensamento crítico

Um artigo recente de um conhecido palestrante "espírita" revela a inquietação do referido articulista diante das polêmicas que envolvem o "movimento espírita" brasileiro.
Segundo ele, as críticas atingem o aspecto religioso desenvolvido pelo "espiritismo" brasileiro, o que o faz discordar desses questionamentos, acusando as críticas de serem fruto de um "exclusivismo da Ciência".
Investindo na dissimulação própria do "espiritismo" brasileiro, que, sabemos, se desenvolveu não com base nos postulados de Allan Kardec, mas nas deturpações igrejeiras de Jean-Baptiste Roustaing - que, assim como o deputado Eduardo Cunha hoje, foi escondido debaixo do tapete, embora seu legado ideológico tivesse sido preservado - , o palestrante inventa, tomando como base uma tradução malfeita dos livros kardecianos, que o "espiritismo" brasileiro estabelece um "equilíbrio" entre Ciência, Filosofia e Religião.
Isso tudo é falácia. O refer…

"Espiritismo" e o marketing da superação

Há um mito religioso, defendido com muito êxtase por pessoas já privilegiadas de alguma forma, de que as pessoas que mais enfrentam dificuldades são as que detém sucesso e superação.
O mito de que pessoas conseguem superar as dificuldades mais pesadas e praticamente impossíveis de uma superação por condições normais é muitas vezes defendido como se fosse um símbolo de êxito e realização humana.
Muitos que defendem essa ideia se acham dotados de evolução moral, e não raro estufam o peito e dizem, para quem está "embaixo" da pirâmide social: "Viu? Essas pessoas lutaram, lutaram e lutaram, deram murro em ponta de faca, dedicaram todo o suor, sangue e lágrimas para superar as piores dificuldades e elas conseguiram".
Isso se chama marketing da superação e se define pela meritocracia do sacrifício. A ideologia moralista se deixa valer de exemplos de superação humana para fazer propaganda, e as pessoas que pregam esse mito da "superação obtida sob as piores adversid…

Provas incontestáveis de que o "Espiritismo" brasileiro está enganado quando fala que a Terra entra agora em fase de evolução

O "Espiritismo" brasileiro sempre veio com este papo de "Terceiro Milênio", "Era de Transformação", "Fase de Regeneração" e outros delírios do tipo. Mas quando a gente confrontava as teses "espíritas" com a realidade, percebia que tudo não passava de conversa para boi dormir e para aumentar os frequentadores de "centros".
Mas eis que a realidade em pessoa bate a porta dos "centros espíritas" para lembrar a frequentadores e às lideranças que ela ainda existe, está viva, mas não vai nada bem.
Ou seja, o "Espiritismo" brasileiro, que se isola cada vez mais graças a muitas denuncias de fraudes, de deturpação doutrinária e de ineficácia da caridade paliativa que pratica, caminha para o seu atoleiro pois não consegue explicar de forma lógica (ué, não era uma ciência?) o que está acontecendo com a realidade diante de tanto retrocesso e desentendimento.
No Brasil, que segundo os "espíritas" iria liderar…