Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2015

Chico Xavier foi o "pai dos 'fakes'"

Por Senhor dos Anéis

Em 1932, muito antes de alguém pensar sequer em contatos virtuais on line - mal havia o telefone e o código morse, como formas de comunicação à distância - , uma pessoa já era pioneira no uso de fakes através da apropriação de nomes de pessoas falecidas.
Francisco Cândido Xavier, aquele católico fervoroso que sempre colecionou imagens de santas ao longo da vida e que falava com espírito de padre jesuíta - apelidado de Emmanuel, mas o mesmo severo e brutal padre Manuel da Nóbrega - , e que nunca esteve aí para Allan Kardec (único autor que se recusava a ler e seguir com veemência), foi o pioneiro dessa forma "simpática" de cometer falsidade ideológica.
Seu livro Parnaso de Além-Túmulo, lançado naquele ano em que outras pessoas tinham coisas mais úteis à fazer, como os paulistas, elitismos e reacionarismos à parte, tentaram mobilizar pela emancipação de seu Estado, no famoso nove de julho, foi uma "pérola" no uso de fakes muito antes da farra digita…

Mansão do Caminho e a sua responsabilidade não assumida

O que os brasileiros chamam de "Espiritismo" se pretende ser uma espécie de estímulo ao progresso espiritual. Mas entendeu errado as ideias originais da codificação, além de inserir um monte de enxertos, além de, infelizmente, lançar mão de fraudes e mentiras para legitimar seus enganos. Isso podendo assumir erros e pedir desculpas publicamente, o que seria mais humilde e honesto. Mas preferiram levar adiante os enganos, fazer o quê?
Mesmo assim, a fama de "doutrina altamente evoluída" que esta forma de"Espiritismo" tem, lhes dá uma responsabilidade muito grande de transformação social que, infelizmente, apesar das razões compreensíveis, nunca foi nem é posta em prática. E provavelmente não será.
Não vemos nenhum tipo de transformação que tenha sido feita pelo "Espiritismo" brasileiro. Nenhuma. Pobres continuam pobres. As leis continuam como estão, sempre favorecendo os mais privilegiados. Violência continua. Roubos continuam. Pessoas estão cada v…

"Espiritismo" no Brasil é uma doutrina traiçoeira

Por Senhor dos Anéis

Infelizmente, as boas intenções do pedagogo Leon Rivail, conhecido como Allan Kardec, foram totalmente desvirtuadas pelo Catolicismo redivivo que veio a se constituir no Espiritismo brasileiro.
Já na França, quando a política era submetida aos valores da Igreja Católica, Kardec já sentia o peso de suas lições, ideias e projetos serem postos à margem. Mesmo seus aliados passaram a assumir seu legado, depois da morte do pedagogo, de maneira tão moderada que a essência científica das descobertas espíritas se diluiu para um religiosismo moralista que aumentou feito uma bola de neve.
No Brasil, marcado pelo medievalismo dos jesuítas e pela herança do Catolicismo de Portugal que, mesmo depois do impacto da Revolução Francesa, ainda mandava queimar hereges em praça pública, o Espiritismo já começou distorcido, para não desagradar as lideranças católicas do país.
Se as lições do professor Kardec se tornaram parcialmente apreciadas - apenas ideias genéricas como a vida após a …

Chico Xavier quis "matar" os escandinavos?

As previsões de um estranho sonho de Chico Xavier estão vindo a tona por causa de um documentário baseado em um livro, este baseado numa conversa informal que revelou tal sonho.
Segundo Xavier, numa profecia que vai contra tudo aquilo que está na codificação, sobretudo o que foi publicado no livro A Gênese, de Allan Kardec, diz que uma série da fenômenos naturais desastrosos irão preparar o planeta para que supostamente apenas o hemisfério sul, sobretudo o Brasil, pudesse permanecer intacto, para que - preparem os risos - as lições do Evangelho católico pudessem ser espalhadas pelo mundo, criando um ambiente religioso de amor e paz.
As mesmas profecias afirmam - essa é para chorar - que o hemisfério norte será todo destruído porque o seu "ateísmo" prejudicaria os planos de "evolução terrestre" guiado pela expansão do Cristianismo. Apenas os habitantes mais "compromissados com o Evangelho" seriam poupados, com oportunidades criadas para se deslocarem para o …

A Manada "espírita"

O Espiritismo praticado no Brasil é uma seita como outras quaisquer. Com dogmas absurdos, fé cega, rituais, divindades e outras bobagens que se tem direito. E entre essas bobagens, claro, há os fiéis,
Os seguidores do Espiritismo brasileiro são de um tipo de fiel religioso bem peculiar. São tão tolos quanto os de outras crenças, mas acreditam ser mais inteligentes. A maioria é diplomada (mercado de trabalho, of course!). Muitos são ricos. Todos parecem viver bem, embora tenham problemas - como a gente havia falado antes, Espiritismo traz problemas. Problemas que a ingenuidade deles não os deixa incomodar.
Mas são cegamente confiantes nos seus líderes. Falam em fé raciocinada, mas na prática é a mesma fé cega praticada nas outras crenças. A fé nos líderes, sejam encarnados ou desencarnados, faz com que tenham fé nos dogmas, muitos deles sem pé nem cabeça.
Os seguidores desse Espiritismo meio doido são pessoas que tem a racionalidade imitada, mesmo que pensem ser racionais. Obviamente se a…

Espiritismo brasileiro dá azar

Pode parecer estranho o que vou dizer aqui,mas o que os brasileiros conhecem como "Doutrina Espírita" traz um azar para os seguidores. Como hoje é o folclórico Dia do Azar, pelo fato do dia 13 ter caído numa sexta-feira, decidi falar sobre essa triste verdade que tive a infelicidade de comprovar pessoalmente.
O "Espiritismo" brasileiro vive cheio de energias negativas. Isso se deve por causa da má compreensão da doutrina, que a faz se comportar na prática como uma tábua Ouija em forma de seita. Estão brincando com a espiritualidade e isso pode ser extremamente perigoso.
A prática feita de maneira errada, irresponsável, sem  estudo adequado acaba por atrair, pela lei da atração, espíritos ma intencionados que acabam por estragar não apenas a doutrina em si, mas a vida de seus seguidores, já que estes espíritos utilizam essa oportunidade para satisfazer interesses pessoais, que em muitos casos divergem totalmente do senso de caridade e da lógica intelectual.
Para piorar…

Seita de Papalvos

O que os brasileiros chamam de Espiritismo é uma gororoba de crendices que juntas acabaram transformando o que deveria ser ciência em uma seita vagabunda cheia de conceitos errados, falsos profetas, enxertos de outras crenças e muita fraude. Fraudes de todos os tipos.
Na verdade, o que o Brasil se refere como "Espiritismo", e que cada vez mais se distancia das pesquisas de Allan Kardec, por ser essa bagunça toda, acabou sendo chamada, pelo verdadeiro espírita brasileiro, José Herculano Pires, como "seita de papalvos". Ele certamente usou papalvos, porque uma palavra difícil não soaria ofensiva para quem a na conhece. Mas um bom dicionário nos informaria que "papalvo" significa idiota, imbecil, alienado.
Herculano estava certíssimo. Seita de Papalvos. Papalvos seguindo papalvos. Líderes alienados espalhando asneiras para que tolos acreditem e se admirem, pensando que este miserável planetinha, um pequeno ponto azul, como dizia o saudoso Carl Sagan, irá mudar…