Pular para o conteúdo principal

Quem conta um conto, aumenta um ponto: tese da "Data-Limite" usa militares para "comprovação"

BASE AÉREA DE MALSTROM, EM MONTANA, EUA, ONDE TERIAM SIDO VISTOS OVNIS NO CÉU EM 1967.

Por Senhor dos Anéis

É estarrecedor que um blog que se autodefine como de "filosofia imortal", ou seja, de permanente busca da verdade e que publica matérias científicas, caísse numa lorota ridícula de que militares ianques teriam "confirmado" as "profecias" de Chico Xavier.

O sonho, divulgado em 1969 para um menino empolgado em ouvir estórias fantásticas, Geraldo Lemos Neto, Chico Xavier disse que o Hemisfério Norte, se não contivesse seu potencial bélico, seria castigado pela Mãe Natureza, destruído por hecatombes e cataclismos e tornado área inabitável.

Segundo o sonho, que mostrava uma reunião entre um Jesus Cristo caricato - não, nós não estamos falando em South Park - e figuras religiosas do além, supostamente líderes do Sistema Solar, só sobraria o Hemisfério Sul, sobretudo o Brasil, que não se sabe por cargas d'água iria florescer num amplo cenário de progresso sócio-cultural que o faria ser país líder do mundo.

Se Chico Xavier acredita no milagre de ver funkeiros, panicats, lutadores de UFC, peladonas, big brothers, "masturbadores" intelectuais e políticos fisiológicos comandando uma série de progressos (?!) de âmbito cultural, social, científico, filosófico e filantrópico que fariam o Brasil a nação mais poderosa do planeta, é algo que realmente desafia a razão humana, de tão absurda ideia.

E aí vem o tal documentário da "Data-Limite" lançar essa verdadeira conversa de pescador. Segundo o documentário, dois astronautas norte-americanos, citando respectivos casos de supostas visitas extraterrestres na Terra, em 1964 e 1967, teriam "comprovado" as teses de Chico Xavier sobre a tal "profecia" narrada em seu sonho maluco e cheio de erros.

Afinal, que cataclismos violentos atingiriam o Hemisfério Norte, sobretudo a Costa Oeste dos EUA, se não vai atingir o Chile, "banhado" pelo mesmo Oceano Pacífico do litoral da Califórnia? E o que fariam esquimós da Sibéria migrando para morrerem de calor no Nordeste brasileiro, onde mesmo a mais moderada temperatura seria forte demais para aqueles eslavos mais ao Norte?

A justificativa é confusa e vaga: o mundo receberia a visita de extraterrestres, diante do conflito dos países do Primeiro Mundo, havia um grande risco de Terceira Guerra Mundial e a Natureza, ofendida, reagiria com raiva descomunal contra o "velho mundo", arrasando-o completamente.

Os casos narrados correspondem ao que Robert Jacobs viu na Base Aérea de Vandenberg, cidade do Estado da Califórnia, nos EUA, em 15 de setembro de 1964, e ao que Robert Salas viu na Base Aérea de Malstrom, cidade do Estado de Montana, também nos EUA, em 16 de março de 1967. Em ambos os casos, os militares viram objetos voadores não-identificados sobrevoaram as bases.

Aí a nossa cabeça se confunde. O sonho de Chico Xavier foi em 1969. Os casos narrados ocorreram em 1964 e 1967? Que profecia é essa que prevê o passado? A previsão não seria sobre o futuro? O que ocorrências de 1964 e 1967 iriam confirmar uma predição de um sonho em 1969? Se tivéssemos que acreditar nessa tese, seríamos todos birutas.

Em primeiro lugar, os dois militares nem devem ter ideia de quem é esse tal de Francisco Cândido Xavier. O único Francisco que eles conhecem bem é a cidade de San Francisco, na Califórnia, a essas alturas fervendo de movimentos culturais, com a psicodelia já surgida em 1964 e que perdia em delírios alucinantes para esse sonho de Chico Xavier.

Nem viajando em LSD se pode supor que a Terra será destruída pela metade, como alguém que corta uma laranja apodrecida pela metade, preservando a outra parte boa. O Brasil dos funkeiros e das panicats e do Big Brother Brasil, a tal "parte boa", iria comandar o progresso sócio-cultural da humanidade.

Só mesmo um ufanismo barato para garantir isso, e esse sonho de Chico Xavier nada tem de profético. Nada. Além do mais, essa interpretação que militares norte-americanos teriam "comprovado" a "previsão" de Chico Xavier não passa de uma grande lorota mal-explicada, que usa desculpas vagas e sem qualquer precisão nem lógica para comprovar o nunca comprovável.

Mas, quem conta um ponto, aumenta um ponto, e os chiquistas acreditam felizes nessa lorota "fraternalista" que faz Chico Xavier entrar no clube dos cientistas e no de estrategistas políticos pela porta dos fundos, não sendo mais do que um caipira mineiro que nunca entendeu o Espirtismo e que mal consegue entender a sociologia e a geopolítica da humanidade na Terra.

Francamente, para quem diz que os eslavos iriam sair de seus países frios para viverem no calor do Nordeste e o vulcânico Chile sairia ileso na hecatombe que só destruiria o Hemisfério Norte (a parte mais evoluída do planeta que seria destruída para "favorecer a evolução" da Terra), uma profecia que tenta confirmar sua tese usando fatos ocorridos antes nada tem de profética. Ou invalidamos essa tese de vez, ou nos tornamos uns completos birutas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo para os ricos, nada para os pobres!

A guinada direitista do "Espiritismo" brasileiro, supostamente "orientada" pela "espiritualidade superior" (na verdade espíritos de velhos e odiosos macartistas disfarçados de "sábios") tirou definitivamente a sua mascara de "doutrina avançada". 
Incapaz de melhorar o país em mais de 130 anos, se limitando a caridade paliativa que não elimina problemas, mas cria meios de suportá-lo, o "Espiritismo" brasileiro agora abraça um governo golpista e ideias retrógradas que pretendem reservar o bem estar a uns poucos que compartilham de ideais retrógrados e meios suspeitos de vencer na vida.
O "Espiritismo" brasileiro, totalmente distante e em muitos pontos contrário ao Espiritismo original fundado por Allan Kardec, sempre foi uma seita de elite com um número grande de seguidores de alto poder aquisitivo e graduados em faculdades. O que não significa que sejam mais inteligentes, pois o "Espiritismo" brasileiro ag…

Anti-esquerdismo "espírita" vai contra proposta da caridade

O "Espiritismo" brasileiro é cheio de contradições, graças a sua recusa em raciocinar e analisar tudo que chega aos seu redor. Abraçou a fé cega e a bondade estereotipada e se limita a fazer caridade paliativa, aquela que serve de mera compensação para que os necessitados se mantenham em suas condições humilhantes. 
Agora, os "espíritas" (de Chico Xavier) e os espíritas (de Allan Kardec) encanaram de aderir ao sádico ódio fascista anti-esquerda. Criminalizaram os movimentos sociais, a personalidades de esquerda e glorificaram o excludente Capitalismo, se baseando na tolice da meritocracia e descartando de uma vez por todas a acridade mencionada por Allan Kardec, um socialista, em suas obras.
Só o direitismo assumido pelo "Espiritismo" brasileiro jé envolve um festival de contradições que poderão implodir a doutrina no Brasil, que já é muito fraca em outros países. Ela entra em violento choque com a finalidade original da doutrina, que é a caridade, além …

Ódio anti-petista de Robson Pinheiro pode ter orientação de espíritos de senhores de engenho e adeptos do Fascismo

O "Espiritismo" sempre foi conhecido como a religião da razão e do amor. Mas Robson Pinheiro que mudar isso. Para ele o "Espiritismo" passa a ser a doutrina da barbárie e do ódio. Incapaz de negociar com aqueles que não se afinam com suas convicções políticas elitistas, Pinheiro se une aos neo-pentecostais e derrama a sua gosmenta baba de raiva contra a esquerda, ignorando os verdadeiros responsáveis pela crise, que é mundial e desprezando os bastidores do poder.
Robson é um autêntico analfabeto político, pois dá sinais de que não sabe das complexas relações de poder, num perfeito exemplo de pedantismo político. E de acordo com a lei de afinidade (ignorada pelos "espíritas" brasileiros), atrai espíritos de senhores de engenho e de simpatizantes do Fascismo. Pinheiro psicografa um livro "político" demonstrando escancarado desconhecimento sobre o assunto. Ignora fatos que comprovam que a verdadeira quadrilha é justamente os políticos que ele apoi…